09/06/2014

AS APARÊNCIAS ENGANAM

     O cascavel e a lagartixa estavam em pé de guerra. Moravam os dois no paiol e o cascavel resolveu botar a bichinha pra fora.
  - Ó, isto aqui é patrimônio meu! Pode ir cascando fora!
      - Que patrimônio seu o quê!... O sol nasceu pra todos, uai! Que mané patrimônio?
     - O sol nasceu pra todos, mas esquenta só uma meia dúzia, dona lagartixa! Pode ir caindo fora daqui!
       - Óia, sô cascavel, o senhor tá com esse papo todo, mas vive de aparências. Mata os outros pela aparência, pelo tamanho e pelo barulho do chocalho. Nem veneno o senhor tem....
      - Que é isso, dona lagartixa! Meu veneno é mortal!
      - Que mortal o quê! Deixe a hora que o dono do paiol vier aqui buscar o balaio de milho. O senhor morde nele e se esconde debaixo da palha... Vamos ver o que vai acontecer.
     Chega o dono da fazenda e, consequentemente, do paiol. Assim que começa a encher o balaio, sente uma fisgada na barriga da perna. Olha em volta e vê a pequena lagartixa olhando pra ele. Dá um chute na pobre e ainda grita:
     - Sai pra lá, sua jacaroa nanica! Nojenta!
     Humilhada, mas fortalecida na sua tese, a lagartixa ataca de novo:
     - Tá vendo, sô cascavel? Olha lá como ele tá saudável. Prova que o seu veneno vale de nada.
     O cascavel ficou foi muito sem graça com o acontecido.
    - Agora vamos inverter os papéis, senhor cascavel. Ele vai voltar pra buscar mais um balaio de milho. Eu vou morder na perna dele e me escondo. Aí o senhor aparece.
   Quando o fazendeiro sentiu a mordida, pensou “é a merdica da lagartixa feia”, “vou matar ela agora”. Mas quem ele viu? Um baita dum cascavel que fazia um barulhão com o chocalho. Levou a mão aos olhos e gritou pro empregado:
   - Eufrásio, me acode! Manda buscar soro que num tô enxergando mais nada! Fui picado por um cascavel...
   (Causo enviado pelo amigo Jose Vitorio Bahia, de Bambuí - MG)
©By Eurico de Andrade, in Tabuí e seus Causos https://www.facebook.com/causos e http://tabui.blogspot.com.br/
Postar um comentário