21/02/2013

COLEÇÃO DE ÓCULOS





   O Izé, que morava bem ali no canto da Rua do Assobio, tava meio encrencado com a esposa. Ela, braba demais, reclamando que ele resolvera encomendar quatro óculos de uma vez só.
   - Mas, Izé! Fica caro demais da conta, sô!
   - Ô muié! Foi o médico que mandô, uai!... tenho curpa não, sá!...
   - Mas, home! Cê num falô que era um pra noite, um pro dia e um pra longe?
   - Era, uai!...
   - E isso num dá trêis, home de Deus? Pra quê quatro?
   - Ô muié burra! Creindeuspai!... O quarto é pra quando eu picisá de procurá os três, uai!...
Postar um comentário