26/05/2013

E O CIRCO CONTINUA EM TABUÍ


     
 Depois dos acontecimentos imprevistos da chegada do circo em Tabui, este se tornou a grande atração na região. A propaganda de boca em boca correu longe. A arruaça do jumento do Rolando com a jumentinha do palhaço e o incidente do leão, partindo pra cima da plateia, no dia da estreia, aguçaram a curiosidade do povo. Todo mundo queria ver onde o Oclécio ficou prensado na emenda das tábuas. E naquela noite, em que se anunciou a grande atração “A Dama e o Leão”, o circo estava lotado. No momento culminante do espetáculo, uma grande jaula, com o leão dentro, é colocada no centro da arena, e, ao rufar dos tambores, uma morena escultural aparece no picadeiro, apenas de biquini, desfilando seus dotes diante dos espectadores. Em seguida, ela abre a jaula, entra, deitando-se no chão. Ao estalar do chicote do domador, o leão se levanta, e, aproximando-se da moça, começa a lamber-lhe o corpo. Partindo dos pés, sobe pelas pernas, coxas, barriga, chegando até o rosto. Novo estalo do chicote e o leão se acomoda num canto da jaula.
 - Senhoras e senhores, este é um espetáculo de grande coragem e de grande perigo. O Gran Circo desafia os presentes a repetir a façanha. Oferecemos um prêmio de quinhentos reais para quem tiver a coragem de entrar nesta jaula e repetir o que presenciaram. Cada um olhava pro vizinho esperando reação. E sabe quem apareceu?
 - Ieu... To-topo... hic!... - Era o Camisola, que naquela hora, já tinha tomado todas.
 - Venha cá, meu senhor!... Tem certeza de que quer mesmo enfrentar o desafio?
 - Te-tenho... Hic!...
 - E não vai se arrepender depois?
 - Nã-nã-ni-nã-não... Hic!...
 - Então, senhoras e senhores, eu convido nosso corajoso amigo a fazer o seu último pedido. Que é que o senhor deseja neste momento?

 - Hic!... Ti-tira o lião daí... Hic!... Quiele tá-tra-trapaiano!...Hic!... 

(Causo recolhido e escrito por Joaquim da Silva Junior, de Carmo do Rio Claro-MG)
Postar um comentário